Família na Escola

Projetos desenvolvidos com parceiros

Projeto Bem Viver

Buscamos através desse projeto contribuir com a promoção da saúde e o pleno desenvolvimento da criança e o fortalecimento do núcleo familiar.

Para tanto, firmamos uma parceria com a Doutora Marlene Pitarelo, médica homeopata, que atende gratuitamente as nossas crianças e suas famílias, oferecendo um tratamento humanizado e contínuo a elas. Considerada um tipo de medicina preventiva, a homeopatia tem por objetivo sanar problemas físicos e psicológicos; sem a necessidade de utilizar medicamentos químicos que possam provocar efeitos colaterais.

A assistente social é a responsável pela identificação das famílias que necessitam do acompanhamento médico, bem como a distribuição dos medicamentos prescritos, uma vez que, atendemos famílias que encontram se em vulnerabilidade social e econômica e não possuem condições financeiras para arcar com os custos dos medicamentos. A família é acompanhada pela médica e só receberá alta quando a profissional achar conveniente.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) define saúde não apenas como a ausência de doença, mas como a situação de perfeito bem-estar físico, mental e social.  Sendo assim, esperamos com este trabalho que nossos alunos sejam crianças saudáveis em sua integralidade.

Projeto semente à flor

O desenvolvimento de projetos que aliem o verde e a reciclagem contribui para maior aproximação das pessoas com a natureza. Quando esta aproximação é estimulada nas crianças, suas observações e experimentações diárias produzem bons frutos e cidadãos mais conscientes dos limites e necessidades da natureza.

Este trabalho tem como objetivo estimular o “olhar” e desenvolver o conhecimento das crianças no cultivo das plantas (desde a semeadura); Apresentar conceitos básicos sobre biodiversidade, reciclagem e trabalho em equipe e agraciar as crianças com a beleza das flores.
Para tanto, contamos com duas voluntárias que são as responsáveis por todo o processo deste projeto.

O cuidado de seu vaso contribuirá para que cada uma das crianças possa estabelecer um vínculo de cuidados e pertencimento, e desta forma cada um dos participantes contribuirá para o efeito do grupo todo.

Espera-se desenvolver a atitude nas crianças sobre os cuidados com as plantas e as alternativas de usos de material reciclável.

 

"Não nos esqueçamos de que a floresta se levantou de sementes quase invisíveis, de que o rio se forma das fontes pequeninas e de que a luz do Céu, em nós mesmos, começa de pequeninos raios de amor a se nos irradiarem do coração."

~ Meimei